4 de fev de 2008

Mundo masculino

bagunça

Está mais do que na cara pra mim que mesmo depois de tantos séculos de civilização o mundo continua sendo governado por e para os homens. É só você olhar à sua volta e logo perceberá que tudo gira em torno da comodidade deles, e uma das formas de eles sentirem-se mais confortáveis é mantendo as mulheres pelo máximo de tempo possível em seu devido lugar - dentro de casa.

Senão me diga aí minha colega, que está com a pia abarrotada de pratos pra lavar, por quê é que ainda não inventaram de acabar de vez com a louça da cozinha? Tinha que ser tudo descartável, comeu joga no lixo e acabou-se, lá iríamos nós contentes e saltitantes pra frente da TV. E além de tudo ainda não inventaram um detergente que não arruíne nossos esmaltes, olha só que falta de consideração. E ainda querem os homens que andemos manicuradas e pintadas. De que jeito, minha amiga, se temos pelo menos duas refeições diárias e consequentemente duas vezes nos dirigimos à pia para nela triturar de vez nossas mal-cuidadas unhas naqueles horrorosos agentes químicos com cheiro de maçã! E quem é que quer ficando com a mão cheirando a maçã, me diga lá?

E roupa então? Ave Maria, como se empilham as roupas sujas, e haja coragem de ir pro tanque! Nem adianta argumentar que temos máquina de lavar (com certeza uma mão na roda que nossas antepassadas não tiveram o privilégio de pilotar) porque depois tem que enfrentar o cabo seco do ferro de passar, né? Ou será que os homens pensam que as roupas andam sozinhas da máquina pro varal ou secadora e de lá caem durinhas e passadinhas dentro da gaveta? Vai ver que pensam...

E por mais que inventem aspiradores, vassouras elétricas e aparelhos a vapor, estes também não fazem nada sozinhos, tem que haver uma burra de carga lá atrás empurrando o danado! E depois, não vamos "aspirar" meias e sapatos que estão espalhados pelo chão, então lá se vai nossa coluna. Depois reclamam que não queremos nada à noite...

E depois fila no supermercado, fila no banco, fila na feira, fila na fila. Ai, que só de falar em fila eu já fico cansada... E à noite os queridos maridinhos ainda dizem que ficamos em casa, então não fazemos nada... Se ficássemos pelo menos um dia sem fazer nada, eu queria era ver a cara deles quando chegassem em casa, iam tomar um susto daqueles...

E do tanque à mesa e da mesa à geladeira passamos as horas do dia dentro de nosso reinado. E olha que serviço de casa não acaba nunca...

(por Zailda Mendes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de deixar sua mensagem, por favor leia nossa Política de Publicação de Comentários.

Ratings by outbrain